logo

Programação  >  2ª edição

Quando? 17 a 24 de novembro de 2012
Onde? Teatro Espanca! R. Aarão Reis, 542 - Centro (31) 3657 7348

17 Novembro | Sábado

autor1Maria Birba

EDGARDO CARDOZO (ARG)

Edgardo Cardozo é hoje um dos principais expoentes da canção contemporânea argentina. Amplamente conhecido por seu trabalho à frente do grupo Puente Celeste, nos últimos 11 anos Edgardo lançou quatro álbuns com a banda, um deles gravado ao vivo em Buenos Aires. Traz no currículo uma larga estrada de trabalhos realizados para teatro, além de colaborações com vários artistas de sua geração, incluindo o admirável trabalho em duo com o cantautor Juan Quintero, do Aca Seca Trio. Atualmente, prepara Seis de Copas, seu novo álbum solo. \ www.edgardocardozo.blogspot.com.ar

18 Novembro | Domingo

autor1Priscila Amoni e Eduardo Fonseca

RAFAEL LUDICANTI

Rafael Ludicanti é guitarrista e vocalista da banda experimental de art-rock The Junkie Dogs. Fundador da Alcova Libertina, o rebelde Ludicanti prepara uma seleção de músicas composta especialmente pra Mostra Cantautores. / www.soundcloud.com/rafaelludicanti

autor1Rodrigo Dai

MAKELY KA

Considerado um dos mais irrequietos criadores da cena mineira contemporânea, Makely Ka propõe com o novo trabalho a elaboração de suas referências a partir da idéia-conceito de uma máquina rítmico-poética que seja capaz de encadear os bits eletrônicos com a pulsação cardiovascular e os sinais elétricos do sistema nervoso. Na sua máquina orgânico-sintética o artista elabora suas influências mesclando elementos da tradição e da vanguarda. Do aboio de herança ibérica ao futurismo russo, da polirritmia à melodia de timbres, tudo isso aplicado dentro do universo da canção. \ www.makelyka.com.br

19 Novembro | Segunda

autor1Sérgio Furtado

SÉRGIO PERERÊ

Mineiro de Belo Horizonte, Sérgio Pererê é cantor, compositor, multi-instrumentista e ator. Com seis discos gravados e várias participações, Pererê se destaca como um dos artistas mais versáteis da música contemporânea. Herdeiro da cultura africana e das Minas Gerais, Pererê representa um elo entre as tradições e o novo. Em seu canto expressivo nota-se a presença da força ancestral presente nas manisfestações populares como catopes, moçambique, marujada e ao mesmo tempo o swing do jazz, do blues e do soul. \ www.sergioperere.com.br

autor1Diego Ciarlariello

LEO CAVALCANTI (SP)

Leo Cavalcanti é um artista que se destaca no cenário da nova música brasileira. Traz como marcas registradas sua forte presença performática no palco e uma assinatura marcante em suas letras e produções musicais. Desenvolve uma linguagem musical ímpar, tanto pela qualidade e originalidade de suas composições quanto por seu potencial como cantor. Seu trabalho vem sendo elogiado por grandes nomes da música brasileira, tais como: Caetano Veloso, Adriana Calcanhoto, Arnaldo Antunes, Fernanda Takai, Chico César, entre outros. \ www.leocavalcanti.com.br

20 Novembro | Terça

autor1Flora Lopes

JOSÉ LUÍS BRAGA

José Luís Braga é integrante fundador do grupo Graveola e o lixo polifônico. Ama cantar e se arrisca compor canções de combinações simples e sinceras com o potencial de cativar alguma atenção. Alguns dizem que o motivo de grande parte desse encanto reside na escuridão taciturna de seu timbre de voz. Nos últimos anos vem desenvolvendo um trabalho autoral permeado de parcerias com artistas de destaque da cena musical mineira, que culminará com a produção de seu primeiro álbum solo, intitulado “Nossa Casa”, com previsão de lançamento no início de 2013. \ www.soundcloud.com/zeludico

autor1Flávia Mafra

KIKO KLAUS

“Genuíno artista brasileiro, de Pernambuco, mas radicado em Minas Gerais, Kiko Klaus é um dos mais promissores artistas da cena musical brasileira. Dono de grande voz e estilo único, mistura raízes afro-brasileiras como maracatu, ciranda, samba e percussões utilizadas nos terreiros de Umbanda e Candomblé, ao flamenco, rock, soul e eletrônica. O resultado final não poderia ser melhor.” (Jorge Leandro Rodrigues para a revista Dig This Real, Nova Iorque) \ www.kikoklaus.com.br

21 Novembro | Quarta

autor1Melissa Castro

LEONARDO MARQUES

Sensibilidade, maturidade, boas horas de voos, discos dos Beatles, Elliott Smith, Clube da Esquina e filmes de Woody Allen e Hitchcock. Junte-se a isso a vontade de colocar pra fora um disco que já tava pronto lá dentro há tempos. Leonardo Marques, integrante da banda mineira Transmissor, e das que já foram Diesel e (virou) Udora, chega a público com seu repertório solo. Intimista, aconchegado num chalé em Casa Branca e inundado de impulsos amorosos, saudosos e quentes, “Dia e Noite no Mesmo Céu” reúne nove faixas, sendo uma instrumental e duas com vocais em inglês.Leo colocou a mão em tudo, arranjou tudo, só não teve muito sucesso com as baterias e por isso convidou o amigo e parceiro do Transmissor, Pedro Hamdan, pra dar conta do recado. E o recado está bem dado. (por Luiza de Sá) \ www.leonardomarques.com

autor1Daniel Britto

PAIM

O Paim não gosta de rodinhas de violão. Da pré adolescência, tateando harmonias no instrumento, às recentes experiências com o Ram, tocar pra ele é isso: como aquele brinquedo que você não sabe usar, então inventa uma forma sua de brincar. Acaso é pilha. Dias sem se sentar ao teclado, e quando isso acontece, desabam estados de espírito que não poderiam ser expressados de outra maneira. Como rotinas que se seguem, mas que não são iguais. A música do Paim não é busca, é sintoma. \ www.rrram.com

22 Novembro | Quinta

autor1Verena Dolabella

CÉSAR LACERDA

César Lacerda é um elogiado músico e compositor da novíssima geração mineira. Nasceu em Diamantina, no interior do estado, e ainda na infância, iniciou seus estudos em música, na escola fundada por sua mãe. Em 2012, o músico irá lançar seu primeiro disco, “Porquê da Voz” e terá suas músicas lançadas em 10 discos de diversos artistas. César Lacerda tem parcerias com o poeta Eucanaã Ferraz, o ator Matheus Nachtergaele, a performer Numa Ciro, os músicos Fernando Salem, Flávio Henrique, Makely Ka, Luiz Gabriel Lopes, entre outros. Tem canções interpretadas por: Graveola e o lixo polifônico, Kristoff Silva, Gustavo Amaral e Luiza Brina. \ www.epcesarlacerda.tumblr.com

autor1Caio Palazzo

ANTONIO LOUREIRO

Antonio Loureiro está lançando seu segundo disco entitulado Só, com participações de Tatiana Parra, Siba, Thiago França, Andrés Beewusaert, Santiago Segret, Rafael Martini, Daniel Santiago, Alexandre Andrés e muitos outros. Atualmente desenvolve trabalhos com Siba, Ricardo Herz, Rafael Martini, Tatiana Parra e Kristoff Silva. Em 2011 se apresentou na 2a mostra Na Mira da Musica Brasileira com Criolo, Kiko Dinucci, Antonio de Padua, DJ Marco, e outros novos artistas. No inicio deste ano acompanhou como baterista o show de Gilberto Gil no aniversario de 25 anos do Itau Cultural no Auditorio Ibirapuera. Antonio Loureiro é representado pela Borandá. \ www.boranda.com.br/antonioloureiro

24 Novembro | Sábado

autor1Maria Luisa Lucas

LUIZA BRINA

Luiza Brina é cantautora, arranjadora e multi-instrumentista mineira, residente no Rio de Janeiro. É graduanda em Composição na Unirio com formação complementar pela UFMG. Acaba de lançar seu primeiro disco“A toada vem é pelo vento”, com o grupo O Liquidificador. O album foi gravado em Belo Horizonte, na CasAzul, 2011, e lançado no país em eventos como o Festival Palavra Som, na praça Floriano Peixoto (BH) e o projeto Terças Parabólicas, Centro Cultural Carioca (RJ). Entre 2011 e 2012 a cantautora realizou lançamento do mesmo na Europa: Portugal, Espanha, França, Alemanha e Holanda. Suas canções apresentam diversas influências, passando pelas culturas populares afro-latinas, pelos cancionistas já consagrados, pela festa de São João no Maranhão e pela musica contemporânea. \ www.luizabrina.com

autor1Soda Aw

RAFAEL MACEDO

Rafael Macedo, que teve seu primeiro disco autoral lançado em 2009, integra a Misturada Orquestra (CD “Misturada Orquestra”),foi músico e arranjador vocal do grupo Elefante Groove (CD “ComVida”), participou como convidado do segundo CD de Kiko Klaus e atuou como arranjador nos discos de Laura Lopes (2012), Graveola e o lixo polifônico (2011) e Leopoldina Azevedo (2009). O compositor já teve oportunidades de divulgar seu trabalho por meio de projetos como Prêmio BDMG Instrumental 2006 e Prêmio Funarte de Circulação 2010. \ www.wix.com/rafitanabandeja/rafelmacedo